22 de dez de 2012

Antes da aurora

Poema escrito em 12 de dezembro de 2012, dedicado à tia Fabiana e declamado na VIII Mostra de Dança Vivarte
Fabiana Montalvão em "A Cor do Brasil", VIII Mostra de Dança Vivarte

Você dança antes da aurora
Quando o sol ainda dorme
Mas o mundo já está brilhando

Você dança antes da primavera
No frio fustigante do inverno
Mas as flores ao redor já desabrocharam

Você dança ao som de qualquer silêncio
Quando o pianista está em horário de almoço
Mas a vida soa como música

Você dança até cansar
E não se cansa
Você sente, você dança
Sem parar para pensar

Bailarina por inteiro
Mesmo numa meia-ponta
Que prefere realizar
A brincar de faz-de-conta